A COVID-19 - novo Coronavírus


A COVID-19 é uma doença causada pela infeção pelo novo Coronavírus (SARS-CoV-2), foi identificada pela primeira vez em dezembro de 2019, na Cidade de Wuhan (China), e declarada pela Organização Mundial de Saúde, como pandemia internacional, no dia 11 de março de 2020. Dado ser uma doença recente, existem ainda algumas características desconhecidas, contudo o conhecimento hoje é maior do que no momento da sua descoberta, derivado de toda a investigação cientifica entretanto realizada.

Os coronavírus são uma família de vírus conhecidos por causar doença no ser humano e são bastante comuns em todo o mundo.

A COVID-19 é transmitida de pessoa a pessoa e o agente causador é o coronavírus, designado SARS-CoV-2.

O período de incubação do novo coronavírus é de 2 a 14 dias.

Os sintomas da COVID-19 variam em gravidade, podendo haver pessoas infetadas sem sintomas (assintomáticas), pessoas com sintomas ligeiros a moderados como dor de garganta, cansaço e dores musculares ou pessoas com sintomas mais graves, como pneumonia grave, síndrome respiratória aguda grave, falência multiorgânica e eventual morte. A maioria das pessoas apresenta sintomas ligeiros a moderados e recuperam das sequelas.

Esta infeção pode causar sintomas mais graves em pessoas com um sistema imunitário mais fragilizado, pessoas mais velhas, e pessoas com doenças crónicas como diabetes, cancro e doenças respiratórias.


Transmissão

Face ao conhecido de outros coronavírus, a transmissão da COVID-19 acontece quando existe contacto próximo (perímetro até 2 metros) com uma pessoa infetada.

O risco de transmissão aumenta quanto maior for o período de contacto com uma pessoa infetada. As gotículas produzidas quando uma pessoa infetada tosse ou espirra (secreções respiratórias que contêm o vírus) são a via de transmissão mais importante.

Considera-se a COVID-19 pode transmitir-se:

• Por gotículas respiratórias

• Pelo contacto direto com secreções infeciosas

• Por aerossóis em procedimentos terapêuticos que os produzem

A transmissão poderá ocorrer durante uma exposição próxima a pessoa infetada com COVID-19 por:

Contacto Direto - Através da disseminação de gotículas respiratórias produzidas quando uma pessoa infetada tosse, espirra ou fala, as quais podem ser inaladas ou pousar na boca, nariz ou olhos de pessoas que estão próximas;

Contacto Indireto - O contacto das mãos com uma superfície ou objeto contaminado, e o contacto posterior com a mucosa oral, nasal ou ocular (boca, nariz ou olhos).

Views: 169